É uma arte marcial japonesa que significa “caminho suave”, foi criada por Jigoro Kano em 1882 e praticada como esporte de combate. O Judô conseguiu grande aceitação pelo mundo inteiro, reunindo estilos das principais escolas de JiuJitsu, arte marcial praticada por cavaleiros do período Kamakura (1185-1333) e outras artes do Oriente.

A técnica é utilizar a força e equilíbrio do oponente contra ele mesmo. Vence quem conquista o Ippon primeiro ou tiver mais vantagens. O Ippon é um golpe “perfeito” no qual o oponente é derrubado e imobilizado, com as costas ou ombros no chão durante 30 segundos. É um dos esportes mais praticados no mundo e é estendido tanto para homens quanto mulheres, crianças, idosos e pessoas com necessidades especiais.

Os princípios que inspiraram Kano foram os três seguintes: Princípio da Máxima eficiência, da Prosperidade e Benefícios Mútuos e da Suavidade. A prática do judô é regida por cortesia, respeito e amabilidade. A saudação é o expoente máximo dessas virtudes sociais. Através dela expressamos um respeito profundo aos nossos companheiros. No judô, há duas formas de expressarmos: tati-rei ou ritsu-rei (quando em pé) e za-rei (quando de joelhos). Esta última é conhecida por saudação de cerimônia.

As graduações são divididas em Kyu e dan. Os iniciantes (Kyu) recebem as faixas (Branca a marrom) pela associação/academia, enquanto os peritos (dan) recebem as faixas (Preta, Vermelha e branca e Vermelha) pela banca examinadora da Liga ou Federação Estadual.

Federações e Confederações: - As competições internacionais de judô são organizadas pela IJF (Federação Internacional de Judô). - No Brasil, a CBJ (Confederação Brasileira de Judô) organiza os campeonatos nacionais.

Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado
Venha fazer uma aula experimental de Judô!  
19:00 às 20:00